Notícias

http://www.purepeople.com.br/noticia/michel-telo-e-thais-fersoza-se-dividem-nos-cuidados-do-filho-se-chora-pego-no-colo_a193047/1 | Postado em: 05/09 - 08:18
Michel Teló divide cuidados do filho com Thais Fersoza: 'Se chora, pego no colo'

Cantor usa vários meios para acalmar o menino e garante que troca as fraldas de Teodoro

Michel Teló e Thais Fersoza se dividem para cuidarem do filho caçula, Teodoro, de 1 mês. "As fraldas da madrugada são minhas, quando estou em casa", afirmou o cantor. Mas o sertanejo, homenageado pela mulher no Dia dos Pais, tem outras tarefas além de trocar o menino. "Se o Teodoro acorda chorando, eu pego no colo para acalmar, canto, uso aplicativo de celular que faz som de útero, de secador de cabelo... Vou testando o que ele gosta", enumerou em entrevista para o jornal "Extra", desta segunda-feira (4).

'MELINDA JÁ DORME 11 HORAS SEGUIDAS'

Pai coruja, Michel contou que a filha de 1 ano, não dá mais trabalho na hora de dormir. "Melinda já entrou no esquema, dorme onze horas seguidas. Estamos rezando muito para que o irmãozinho dela siga o mesmo exemplo", acrescentou o sertanejo. "Ela é carismática demais! A sensação que tenho é de que percebe quando vou viajar e demorar a voltar, aí fica fica num chamego comigo...", completou o marido da atriz se referindo à primogênita, cujo cardápio não inclui suco. O intérprete de "Fugidinha" contou ainda como é a relação dos fãs do casal com as crianças. "Eles, hoje, são conhecidos como nossos filhos, mas vão ganhar o mundo, de qualquer maneira. A gente se orgulha das foforices deles, e os fãs têm um carinho tão grande pela gente, que acaba sendo uma troca muito positiva. Teodoro já virou até meme, de tanto que dorme", disse o músico, que planeja ter mais herdeiros.

SERTANEJO LEMBRA HIT MUNDIAL: 'FORA DA CURVA'

No próximo ano, o cantor completa 25 anos de carreira e há sete viu seu hit "Ai, Se Eu Te Pego" se transformar em sucesso mundial. Mesmo assim, Michel, que incentiva a filha na carreira musical, mantém os pés no chão. "Foi algo totalmente fora da curva. Não crio mais a expectativa de lançar uma música em português e ela estourar em vários países. Tenho consciência da dificuldade em fazer um sucesso assim", assegurou. "O que espero, hoje, é que a galera se divirta e se emocione com cada novidade que eu apresentar", frisou. "O grande desafio de todo artista é se reinventar. O sertanejo tem estado em alta desde os anos 90. Não posso prever o futuro, mas sei que tem gente muito talentosa por aí para dar continuidade a esse sucesso por muito tempo ainda", completou o cantor.

(Por Guilherme Guidorizzi)

Outras Notícias

© 2017 . Todos os direitos reservados.
Largo São Vicente de Paulo, 1333 - Sala 08 - Edifício ACIT CEP 85.900-215 - Toledo/PR