Notícias

https://www.movimentocountry.com/greve-afeta-shows-sertanejos/ | Postado em: 25/05 - 09:40
Greve Dos Caminhoneiros Afeta Shows Sertanejos

A greve dos caminhoneiros que acontece desde segunda-feira em todo país, tem afetado também a logística de alguns shows sertanejos. Henrique e Juliano que estavam com show marcado para esta quarta- feira sofreu com a paralisação.

O show da dupla, que estava agendado para acontecer na arena, foi realizado na Praça Park. Os três shows programados para acontecerem na noite desta quarta-feira  no Parque de Exposições, foram realizados na Praça Park, segundo informações divulgadas pelo Sindicato dos Produtores Rurais de Patos de Minas.

As alterações foram feitas devido ao atraso da chegada das carretas, que transportam os equipamentos da dupla Henrique e Juliano. Os veículos estão parados em um dos bloqueios instalados pelos caminhoneiros em manifestação.

A apresentação da dupla aconteceu por volta das 23h50 de ontem. Segundo técnicos responsáveis pela montagem dos palcos, Henrique e Juliano utilizaram os equipamentos de Zé Neto e Cristiano, que também se apresentaram na noite de ontem.

Greve de caminhoneiros chega ao 4º dia pelo Brasil

Pelo 4º dia seguido, caminhoneiros fazem manifestações em 25 estados e no Distrito Federal causando reflexos por todo o país. Os atos são contra a disparada do preço do diesel que faz parte da política de preços da Petrobras, em vigor desde julho.

Os protestos provocaram a redução nas frotas de ônibus em várias cidades, inclusive, em capitais; a disparada de preços nos postos de combustíveis – valores variam de R$ 2,10 a R$ 10 -, mas em alguns estabelecimentos já há falta, além de grandes filas; o desabastecimento em supermercados, principalmente de hortifrutigranjeiros; hospitais suspenderam procedimentos por conta de falta de medicamentos; fábricas de diversos segmentos pararam suas produções; há possibilidade de racionamento de energia em Rondônia e falta de água no Rio de Janeiro. Os aeroportos funcionam normalmente, mas já há registros de cancelamentos de voos.

Há também frigoríficos que estimam que os prejuízos já superam os R$ 200 milhões com as exportações.

Outras Notícias

© 2018 . Todos os direitos reservados.
Largo São Vicente de Paulo, 1333 - Sala 08 - Edifício ACIT CEP 85.900-215 - Toledo/PR